Um dos mais importantes livros sobre judaísmo publicados em português em todos os tempos está de volta, já na 7ª edição, mas completamente reformulado graficamente.
Os textos que compõem este livro nasceram das concorridas conferências que o autor fez ao longo de mais de quatro décadas sobre a Ética dos Pais, o mais breve e, possivelmente, um dos mais importantes tratados do Talmud.
Segundo profundos conhecedores da literatura rabínica, o Pirkê Avót, como é chamado este tratado em hebraico, contém em si a essência da Torá - seu código ético e moral, brilhantemente aplicado à vida cotidiana através dos ensinamentos de 67 sábios do Talmud (suas biografias encontram-se no final da obra e, certamente, fascinarão o leitor).
Irving M. Bunim, um dos expoentes do judaísmo ortodoxo norte-americano deste século, dedicado estudioso e orador privilegiado, levou as lições contidas no Pirkê Avót a centenas de milhares de pessoas. Viveu em profunda harmonia com aquilo que transmitia: propagou a Torá aos jovens imigrantes que chegavam aos Estados Unidos já nos anos 20, evitando que sua herança judaica se perdesse em meio à cultura emergente da época, ajudou financeiramente a centenas de famílias e instituições e salvou dezenas de milhares de pessoas da morte ao interceder pessoalmente junto ao governo norte-americano para que as cotas de imigração fossem ampliadas durante a Segunda Guerra Mundial.
O tema deste livro e a estatura do autor tornam sua leitura obrigatória a todos aqueles que desejam chegar ao âmago do pensamento judaico.


Durante muitos anos esperei por uma tradução comentada do Pirkê Avót em português e saudei, com grande alegria, o lançamento de A Ética do Sinai pela Editora Sêfer.
O tratado Pirkê Avót é o mais importante conjunto de ditos de natureza ética conservado pelos sábios judeus durante muitos séculos. É um grande guia de vida. Um justo pode ser definido pelas suas palavras. Por isso, esta não é uma obra de leitura obrigatória apenas para a comunidade judaica, mas para todos os homens e mulheres de bem que querem estar aos pés da Sabedoria.

Prof. João Bosco Lodi

 

*   *   *

 

"Vocês têm o Talmud?"

 

Há anos, talvez desde que fundamos a Editora Sêfer, muitas pessoas nos procuram atrás do "Talmud", e via de regra costumamos explicar que se trata de uma gigantesca coleção de 64 tratados e indicamos a elas os poucos já publicados e disponíveis em português.

 

Hoje, tenho mais do que certeza de que as pessoas que buscam o "Talmud" não estão assim tão interessadas em ler uma apresentação longa e exaustiva de detalhes específicos da Lei Oral judaica, mas sim, em conhecer as convicções e crenças dos homens sábios que viveram nos séculos iniciais dessa tumultuada era em que vivemos, quando uma nova seita - depois religião -  brotou e se afastou do judaísmo, e isso na ânsia de entender por que eles não a aceitaram e adotaram - o que vem ocorrendo até os dias de hoje.

 

Nesse sentido, acredito que o que elas gostariam de saber seria o que é esse enigma chamado "Talmud", quem eram os homens sábios e mestres de alguns personagens dos seus livros com os quais elas até têm certa familiaridade, como eles encaravam o mundo e os dilemas da vida que se apresentam a nós a cada instante e por que recusaram as "boas novas" surgidas naquela época.

 

Para esse fim, recomendo a leitura de duas obras fundamentais que a Editora Sêfer acaba de relançar:

 

O TALMUD ESSENCIAL, de Adin Steinsaltz - um clássico da literatura judaica contemporânea, com 320 páginas de puro conhecimento, escrito pelo "gênio" que traduziu todo o Talmud para o hebraico e revolucionou o seu estudo no século XX, que propiciará aos leitores uma ampla e profunda macrovisão do Talmud pelas perspectivas histórica, estrutural, legal, metodológica e de conteúdo.

 

A ÉTICA DO SINAI, de Irving M. Bunim - uma minienciclopédia de conhecimento ético-talmúdico-universal que, além de ser um tratado por si só, é uma esplêndida coletânea de máximas, aforismos e "causos" dos homens sábios que lutaram e até sacrificaram as suas vidas para que o saber milenar do judaísmo fluísse e chegasse às futuras gerações da humanidade. O texto adicional dessa obra de mais de 700 páginas analisa e ilustra cada ideia, ensinamento e reflexão do diminuto Tratado de (Pirkê) Avót com dezenas - talvez centenas! - de outras interessantes e relevantes passagens misteriosas do Talmud - acho que exatamente aquilo que "há anos, talvez desde que fundamos a Editora Sêfer, muitas pessoas nos procuram atrás do Talmud..."

 

A Ética do Sinai (Pirkê Avot)

R$ 230,00Preço